Pra Você

Auto

Baterias

As baterias mais antigas precisam ter seu nível verificado e completado semanalmente com água destilada, mas hoje em dia, com as baterias seladas, quase não há preocupação, pois elas não precisam de qualquer tipo de manutenção. 

 
Alguns cuidados podem aumentar a vida útil de sua bateria: 
 
- Evite deixar faróis ou outros equipamentos elétricos ligados enquanto o veículo não estiver em funcionamento. 
- Dê partidas por no máximo 5 segundos, e se o carro não pegar aguarde 30 segundos para uma próxima tentativa. 
- Se a bateria descarregar, procure um auto-elétrico e carregue-a utilizando um aparelho de carga lenta, pois se for de carga rápida pode-se danificar a bateria. 
 

Trocas de pneus

Vamos falar a verdade. Pneu é “caro pra chuchu”. Às vezes, só se tem o dinheiro para trocar dois pneus e não os quatro, como é o ideal. Neste caso, o que fazer? 
 
A maioria das pessoas troca os pneus dianteiros. Errado. 
 
Luciano Burti foi até um campo de provas de um grande fabricante de pneu, em Paulínea, interior São Paulo, para fazer o teste. 
 
Primeiro um carro circula com os pneus carecas atrás e os novos na frente. Ao entrar numa curva, com a pista molhada o carro perde o controle. “Se estivéssemos em uma rua e não em um campo de provas, um acidente poderia ter acontecido”.
 
Agora invertemos: os pneus carecas na frente e os novos atrás. “Não acontece nada, o carro não escapa e o carro mantém a sua trajetória. Quando você opta por trocar só dois pneus, a melhor opção é colocar os novos no eixo traseiro”.

Como regular seu som automotivo

De modo geral a maioria dos sons automotivos já vem com configurações pré-gravavas para determinados estilos musicais como Rock, Pop, Jazz, etc, porém tais configurações deixam a desejar com os usuários mais exigentes que preferem deixar o som com seu próprio estilo.Antes de aprender a regular o som, vale observar os seguntes aspectos:
 
A Qualidade:
 
De modo geral, um som com qualidade é aquele som em que se pode identificar todas as frequencias auditivas sem desequilíbrios, ou seja, graves, médios e agudos nítidos com perfeita definição e sem distorções.
 
O Gosto de cada um:
 
Existem pessoas que gostam de um grave acentuado, outras mais de agudo, e outras médio e por aí vai.
É importante salientar que cada um tem seu próprio estilo e gosto musical, porém algo que não deve ser reproduzido em nenhum caso é a distorção, pois ela é responsável pela queima de alto-falantes, módulos e aumenta o stress de quem estiver ouvindo o som.
 
Agora vamos ver como regular seu som e deixa-lo do seu gosto:
 
A maioria dos radios e sons automotivos possuem um botão chamado EQ, este configura a equalização para os estilos pré-gravados citados no início do post, mas para você que quer regular seu som de forma personalizada, procure o botão SEL, MENU ou AUDIO (varia de acordo com o modelo e marca do seu Som) para ter acesso às configurações do Treble (agudos), Midle (médios, disponível apenas alguns CD-playes) e Bass (graves), através destes comandos é possível deixar o som do jeito que vc quiser.
 
Evitando distorções em trios (som pra fora):
 
Quando estiver ouvindo o som em volumes mais altos ou estiver utilizando o “som pra fora” é natural o grave começe a apresentar distorções, para solucionar este proplema você pode reduzir o ganho do Bass até o audio deixar de apresentar chiados, esta configuração pode desequilibrar seu som, mas o fato da distorção desaparecer vai melhorar significativamente a percepção auditiva do seu som.
 
Configuração ideal para viagens longas:
 
Ao decidir viajar, nada melhor que levar aquela coleção de músicas preferidas, a configuração correta do seu som é importante para evitar seu próprio stress, para reproduções longas é recomendado o som em volumes relativamente baixos com com graves e médios acentuados, alguns aparelhos possuem a função LOUD que automaticamente aciona esta configuração (a função LOUD deve ser desativada ao aumentar significativamente o volume para evitar distorções), porém para os outros aparelhos basta aumentar o Treble em 40%, o Bass em 60% e deixar o Midle normal.
 
Fonte: http://tudosobresom.blogspot.com.br

Bancos de Couro

Para prolongar a vida útil do revestimento em couro dos bancos de seu carro, confira esses cuidados necessários: 

Limpeza
1 – Poeira: retirar com pano macio e seco; 
2 – Líquidos (café, leite, refrigerante, bebidas alcoólicas e água) e Produtos gordurosos (óleo, azeite, creme e chocolate): 
- remover imediatamente com pano macio e absorvente, friccionando suavemente; 
- limpar com pano levemente umedecido com água morna em solução de sabão neutro; 
- deixar secar naturalmente. 
3 – Recomendações: 
Não utilizar objetos pontiagudos e/ou abrasivos, bem como solventes e produtos agressivos na limpeza, evitando assim danos irreversíveis ao material.
 

Culinária

Uva com brigadeiro

 

Lave bem as uvas e seque-as. Se usar uva Itália, corte-as ao meio e retire as sementes.
 
Brigadeiro: 
Numa panela, coloque o leite condensado, a margarina, o creme de leite e a farinha dissolvida no leite. Leve ao fogo brando e mexa até engrossar. Reserve.
 
Ganache:
Em uma panela, coloque o creme de leite, leve ao fogo até ferver. Retire do fogo, acrescente o chocolate picado e mexa bem até se derreter. Em taças individuais, coloque uma camada de uva, uma camada de brigadeiro branco e cubra com o ganache. Leve à geladeira até o momento de servir.

Ilhas flutuantes de pistache

 

Ponha o leite numa frigideira de tamanho médio. Abra a vagem de baunilha no sentido do comprimento com uma faca afiada e raspe as pequenas sementes pretas sobre o leite. Corte a vagem ao meio e coloque-a na frigideira com o açúcar. Deixe ferver em fogo brando, mexendo de vez em quando. 
 
Enquanto isso, numa tigela limpa, bata a clara em neve para os merengues. Aos poucos, acrescente o açúcar e continue batendo por cerca de 1 minuto ou até o merengue ficar firme e brilhante. Delicadamente, incorpore o pistache. 
 
Quando o leite estiver fervendo, jogue na panela 4 colheradas do merengue, formando 4 montinhos. Deixe cozinhar por cerca de 5 minutos, virando-os uma vez, até ficarem firmes. Com uma escumadeira, retire os merengues do leite, escorra-os em papel-toalha e reserve. 
 
Coe o leite, colocando-o numa panela de fundo grosso. Misture as gemas e a maisena e junte-as ao leite, batendo. Cozinhe em fogo bem baixo por 5 a 7 minutos, mexendo sempre, até obter uma mistura lisa e consistente. Não deixe o creme ferver para não empelotar. Caso isso ocorra, coe imediatamente, usando uma peneira fina, para uma panela limpa. 
 
Retire o creme do fogo e despeje-o numa travessa de servir grande e rasa ou em 4 pratos individuais. Cubra e leve à geladeira por pelo menos 30 minutos ou até 1 hora. 
 
Enquanto isso prepare a calda de framboesa. Ponha as frutas e o açúcar de confeiteiro numa panela pequena com 2 colheres de chá de água. Cozinhe em fogo baixo, mexendo de vez em quando, por 4 a 5 minutos ou até as frutas se abrirem e liberarem o suco. Passe essa calda por uma peneira e deixe esfriar. 
Ponha os merengues para flutuar no creme e despeje um pouco da calda de framboesa sobre eles. Sirva em seguida, com o restante da calda separadamente.
 
Rendimento: 4 porções

Saúde

Cuide da sua beleza enquanto dorme

 

Ter cuidados de beleza é fundamental para manter a pele jovem e bonita. Durante a noite é melhor ainda: além de proporcionar bem-estar, é o momento que nossa pele está mais preparada para receber os produtos. À noite, o metabolismo das células da pele aumenta e, por isso, ela absorve os nutrientes melhor que em qualquer outro período do dia.Graças aos avanços da indústria cosmética, é possível tratar do corpo, rosto e cabelo enquanto você desfruta de suas horas de sono. Confira a seguir o que você pode fazer em prol da sua beleza durante o sono para comece seu dia muito mais disposta e bonita!Rosto
A limpeza do rosto é fundamental. Quando a pele está limpa, ela está apta a receber os nutrientes com mais eficiência. Tonificar também é importante para eliminar aquela sujeirinha que o sabão não eliminou. Por fim, o hidratante noturno. Prefira produtos que estimulam o colágeno, além de antioxidantes como vitamina C, ácido retinóico e glicólico.
 
A produção de gordura da pele se intensifica pela noite. Se sua pele é oleosa, use um creme para diminuir os poros e controlar a oleosidade. Se você tem facilidade para cravinhos, tenha também um esfoliante suave para estimular a saída deles e prevenir o aparecimento de novos.
 
Olheiras
Use cremes específicos para olheiras na região dos olhos para amenizar a aparência pela manhã.
 
Lábios
Aproveite a noite para manter os lábios hidratados e evitar as rachaduras.
 
Corpo
Aplique um bom hidratante no corpo inteiro antes de ir para cama. Melhor ainda se o creme  unir princípios da aromaterapia: assim, você consegue acalmar a mente ao mesmo tempo em que hidrata o corpo.
 
Mãos
Depois de um dia inteiro de trabalho — expondo as mãos a vários produtos e até ao sol —, o melhor momento para cuidar das mãos é à noite, uma vez que elas vão ficar em repouso sem precisar serem lavadas. É durante a noite que os ingredientes irão agir sobre a pele. Portanto, use bons hidratantes nas mãos e não se esqueça de hidratar as unhas.
 
Pés
Não se esqueça dos pés: a noite é a melhor hora de hidratar os pés. Prefira cremes específicos rico em uréia (ativo com alto poder de hidratação).
 
Bronzeado
Se você quer ficar longe da brancura, conte com a ajuda dos autobronzeadores. Mas para que o resultado fique perfeito e o produto não meleque seu lençol, é essencial que você espalhe o autobronzeador de maneira uniforme. Espere 20 minutos e vista seu pijama. Em seguida, vá tranquila para cama, certa de que acordará com outro visual.
 
Cabelo
Existem várias marcas de leave-in noturno para hidratar o cabelo enquanto dormimos. Esses produtos contêm agentes que recuperam, nutrem e protegem as fibras capilares das agressões sofridas durante o dia. O produto pode ser aplicado sobre os fios úmidos ou secos (os cabelos não fica sebosos). E pode ficar despreocupada: o creme não mancha a fronha do travesseiro.
 
Dormir bem já é um embelezador natural, e essas dicas podem melhorar ainda mais sua auto-estima e bem-estar.

Evite retenção de líquidos

Barriga estufada, pernas pesadas e a terrível sensação de ter engordado vários quilos em pouquíssimo tempo... Você pode estar sofrendo com a retenção de líquidos!
O problema se caracteriza pelo acúmulo excessivo de água entre as células do organismo, que não é eliminado através da urina. Dessa forma, ocorre o inchaço principalmente na barriga, pés, mãos, coxas, tornozelos e mamas. Com algumas mudanças nos seus hábitos, é possível reduzir essa desconfortável sensação, aliviar a retenção de líquidos e sentir-se mais leve e bem-disposto!
 
– “Consuma alimentos como melancia, melão, abacaxi, chuchu, pêssego, cenoura, por exemplo, que são ricos em água e potássio. Eles ajudam a regular o teor de sódio no organismo e diminuem o inchaço”, explica a nutricionista Paula Castilho.
 
– Beba no mínimo 3 litros de líquidos por dia. “Tome pelo menos 1 litro de água pura, para promover a desintoxicação corporal. O restante pode variar entre chás e sucos. O ideal é ingerir 200 ml de algum líquido quinze minutos antes da refeição ou uma hora após”, ensina a nutricionista.
 
– Pratique atividades físicas regularmente. Procure, ao menos, caminhar três vezes por semana, durante meia hora. O exercício aumenta o batimento cardíaco e acelera vários processos no corpo, como a queima de calorias e gorduras, além da eliminação das toxinas e dos líquidos acumulados.
 
– Se você trabalha sentado, procure se levantar a cada duas horas. Também é interessante realizar a ginástica laboral durante o expediente.
 
– Faça uma deliciosa massagem, por exemplo, a drenagem linfática. Essa técnica é realizada com óleos essenciais e consiste em compressão e descompressão dos gânglios, trabalhando a circulação linfática. Dessa forma, ela estimula a eliminação do líquido linfático, que fica localizado entre as células e é rico em gorduras – até os gânglios linfáticos. Quando ele fica retido no tecido subcutâneo, você se sente inchado e pesado.
 
– Aumente o consumo de legumes e verduras, principalmente crus.
 
– Coma mais frutas. “Quando possível, ingira também o bagaço ou a casca. E prefira as que possuem poder laxativo, como: laranja, mexerica, mamão, banana-nanica, ameixa-preta, abacaxi, abacate e acerola, pois elas promovem uma limpeza no organismo, eliminando as toxinas”, explica Paula.
 
– Coma sempre devagar e mastigue bem os alimentos.
 
– Sempre que possível, dê preferência aos produtos integrais.
 
– Acrescente ao leite itens como cereais integrais, farelo de aveia, farelo de trigo, gérmen de trigo e linhaça, que favorecem o funcionamento do intestino.
 
– Modere no consumo do sal. “Utilize alho, cebola e ervas naturais, como orégano, salsa, alecrim, manjericão e açafrão”, aconselha Paula.
 
– Evite o consumo exagerado do café. “Em excesso, a bebida age como vasoconstritor, ou seja, diminui o calibre das artérias, favorecendo a má circulação e contribuindo para o inchaço. Substitua-o por chás”, avisa a nutricionista.
 
– Polvilhe a comida ou a salada com farinha de linhaça, que tem ação anti-inflamatória e reduz a retenção hídrica no organismo.
 
Fonte:portal Vital
 
link: http://www.portalvital.com/saude/alimentacao/evite-a-retencao-de-liquidos

Salão de beleza: utilize sem prejudicar sua saúde!

 
Manicure e pedicure:
 
- o ideal é levar seu próprio estojo de instrumentos para o tratamento de suas unhas;
 
- todos os instrumentos não descartáveis, utilizados por manicures, pedicures e podólogos, devem ser lavados, secados, embalados e esterilizados na autoclave (equipamento mais indicado para este fim), ou estufa; 
 
- para o amaciamento de cutículas o creme amaciante é a melhor opção. Se for utilizar bacias para imersão de pés e mãos, essas devem ser lavadas e revestidas com protetores plásticos descartáveis; 
 
- os produtos mais seguros para estancar o sangue quando ocorrer ferimentos, são o spray e o pó hemostático. Não é indicado usar o bastão hemostático. 
 
Doenças graves como hepatite e aids podem ser adquiridas em pequenos ferimentos causados por instrumentos contaminados ou mal esterilizados.
 
Depilação:
 
As ceras depilatórias não podem ser reaproveitadas, devido à possibilidade de transmissão de doenças.
 
Cuidados com os cabelos:
 
- as escovas e pentes devem estar limpos e sem fios de cabelo de outros clientes;
 
- alisantes com formol são proibidos e podem causar descamação e vermelhidão no couro cabeludo, queda de cabelos, alergias e até câncer;
 
- o profissional deve fazer os testes de alergia recomendados pelos fabricantes antes de usar qualquer produto.
 
Os produtos utilizados deverão ser registrados na Agência Nacional de Vigilância Sanitária do Ministério da Saúde e estar dentro do prazo de validade. O profissional deve prestar todas as informações solicitadas pelos clientes.
 
 
Maquiagem:
 
Compartilhar cosméticos pode ser um risco para a saúde (por exemplo: herpes, conjuntivite), por isso é recomendado levar ao salão os produtos a serem utilizados nos olhos e nos lábios.
 
A escolha criteriosa de um salão de beleza é necessária, pois muitas doenças de pele, cabelos e unhas podem adquiridas se as condições de higiene não forem observadas.
 
Fique de olho!
 
 
- toalha: deve ser de uso único e individual, ou seja, trocada a cada cliente;
 
- lavatório: deve possuir toalhas de papel, sabonete líquido e lixeira. O profissional deve lavar as mãos antes e depois do atendimento de cada cliente; 
 
- lâminas: devem ser trocadas a cada cliente e descartadas;
 
- esterilização: o estabelecimento deve ter os equipamentos (autoclave ou estufa) necessários para a esterilização dos instrumentos. Fornos elétricos não esterilizam esses materiais; 
 
- lixo: lâminas e outros artigos cortantes devem ser descartados em lixeira própria.
 
Observe se a esterilização está sendo feita. Isso é importante para evitar a transmissão de doenças. A falha mais freqüente em salões de beleza é a falta de esterilização dos instrumentos.
 
Fonte: http://bvsms.saude.gov.br/bvs/dicas/241_salao_de_beleza.html

Alimentos que oferecem mais energia

Em algumas situações pertinentes do nosso cotidiano, nos deparamos com a necessidade de fazer mais esforços, o que acaba demandando mais energia. Muitas pessoas acabam recorrendo à alguma vitamina, ou até mesmo, não dando a importância devida para esse tipo de problema que poderia ser resolvido de uma maneira simples, uma dela é: Ingerindo Alimentos que oferecem energia e disposição. Por isso listamos alguns alimentos energéticos:

Ovo: ajuda na recuperação dos esforços físicos
 
Salmão: auxilia na reconstrução muscular
 
Leite: tonifica os músculos
 
Couves, Espinafres, Açaí, Cenoura, Vagem, Rabanete, Tomate, Morango, Abóbora, Repolho, Laranja, Tofu.
 

Sua Casa

Jardim

Os jardins dão um destaque na decoração de uma casa, quando bem montados refletem o bom gosto e a criatividade dos proprietários. Além disso, um belo jardim pode aumentar em até 30% o valor de qualquer imóvel. Para manter a harmonia de um ambiente, o jardim deve estar em sintonia com a arquitetura, localização, tamanho da casa e receber a manutenção necessária diariamente.

A primeira dica para criar um jardim residencial é seguir a tendência atual dos decoradores que é montar jardins rústicos e simples, mas que, ao mesmo tempo, dão sofisticação ao ambiente. A vantagem está em optar por um projeto viável financeiramente para a grande parte dos interessados, prático, bonito e bastante confortável.
 
Esse jardim será composto basicamente por plantas perenes, como as bromélias, sagus, formium, agaves ou palmeiras, dispostas sobre uma grama bem cuidada.
 
Para melhorar a decoração do seu jardim, você pode montar caminhos sinuosos, forrações minerais ou desidratadas com argila expandida e pedras pequenas, dando acesso a entrada principal da casa ou a um canto específico do ambiente, outra opção é investir em vasos de linhas retas, bancos de madeira e outros objetos de decoração.
 

Quartos

A maior privacidade de uma pessoa é em seu quarto. É o lugar onde se pode descansar, ficar a vontade, fazer o que quiser, a final, se está entre “quatro paredes”.
Para ficar melhor, porque não fazer um quarto moderno ou temático, quem sabe um quarto bem colorido ou rústico, faça dele o local mais agradável e aconchegante que puder, pois como todos dizem, “é o nosso cantinho”.
 
Dicas de decoração
 
1- Para começar, observe bem a iluminação, pois, é um fator essencial. As lâmpadas amarelas são indicadas por proporcionar uma sensação de relaxamento, além de ser mais confortável à vista. Mas, antes de planejar o local da iluminação, defina antes, o posicionamento dos móveis.
 
2-Os móveis não têm muito segredo; o essencial é cama, guarda-roupas e cômoda. Suas disposições dependem do formato e tamanho do quarto. O segredo é sempre deixar passagens livres para não aparentar que seu quarto seja menor do que é.
 
3-Use cores vivas na parede que ficará atrás da cama e nas demais use tons mais claros e suaves. Cores escuras podem dar aparência de que o ambiente é pequeno.
 
4-A escolha do piso certo também influencia na decoração, ele deve ficar em harmonia com a cama, e móveis (escrivaninha e armário, por exemplo), já que na maioria das vezes são os objetos que ocupam mais espaço no quarto, e serão eles que caracterizarão o ambiente.
 
5-Para um quarto jovem, o ideal é se usar cores vibrantes, e cheia de vida com a moderação de outros tons pasteis, contrastes e simplicidade. A TV e o PC devem estar presentes nesse ambiente. A iluminação é muito importante, além da luz geral do quarto, deve-se ter uma para ler durante a noite, outra para ouvir musica, entre outros. A mobília de preferência será metálica ou de madeira simples sem grandes trabalhados, é de extrema importância haver prateleiras, pois nesta fase da vida o jovem tem muitas coisas, material de estudo, livros, CD’s, e muito mais.
 
6-Espelhos não servem apenas para conferir a aparência, na decoração eles servem para deixar um aspecto maior ao ambiente
 
7-A cama é item de maior importância, por isso escolha um modelo que combine com o restante, a cabeceira é o principal item de decoração, deve harmonizar com o estilo do quarto.
 
8-Antes de colocar a TV, pense no que vai ser ligado a ela (DVD, videogame, TV a cabo) assim você saberá como fazer a decoração, pode-se colocar a TV na parede, junto de um aparador, embutido no roupeiro ou em um painel.
 
9-Não exagere na quantidade de móveis, facilite a circulação, em quartos de solteiro encoste a cama na parede deixando o espaço maior, já no quarto de casal isso não fica bom, deixe um espaço de pelo menos 60 cm nas laterais.
 
10-Cortinas podem criar certos climas para o ambiente, por isso escolha bem que modelo usar. Panos grossos preservam a privacidade, se o seu quarto for claro, com paredes claras, você pode usar uma cortina com cor mais forte para contrastar com o resto. Mas se você quiser deixar o seu quarto com um ar leve e mais sofisticado, compre cortinas de cor clara. Persianas são muito úteis, pois podem ser abertas e fechadas sem que você tenha que puxá-las, pois isso é feito através de um sistema com corda. A de pano é muito mais bonita esteticamente falando, é mais clássica e ao prender, você pode escolher fitas para combinar, para que continue bem bonita de manhã.
 
Não tem mistério, estude o tamanho do quarto antes de escolher os móveis, uma cor legal para as paredes, uma iluminação agradável para o ambiente e decorações sem muito exagero.
 

Dez dicas de decoração para quartos pequenos

1- Cores Claras
 
Cores escuras podem dar a aparência de que o quarto é ainda menor. Portanto, invista em tons claros, que conferem sensação de amplitude.
 
2- Invista em Espelhos
 
Espelhos não servem apenas para conferir a aparência. Na decoração, têm a função de proporcionar aspecto maior aos ambientes.
 
 
3- Cama
 
Gavetas na cama são uma boa opção para ambientes pequenos. Alguns modelos box já vêm com elas. Se não os encontrar, vale até apostar em um colchão box em uma cama convencional.
A cabeceira é um importante item de decoração, que deve harmonizar com o estilo do restante do projeto.
 
4- Abuse das Paredes
 
As paredes de quartos pequenos são grandes aliadas. Abuse delas com detalhes suspensos,  prateleiras e nichos colaboram com a organização.
 
5- Objetos e Roupas de Cama
 
O ambiente claro pode ganhar cores e detalhes por meio de tapetes, roupa de cama, almofadas, cadeira colorida, pufe, quadros. Tudo isso sem exagero, é claro, e com tonalidades complementares. Se enjoar do visual, basta trocar os objetos e tecidos. O aspecto muda sem que se gaste muito.
 
6- TV
 
Colocar a televisão na parede é uma opção para ocupar menos espaço nos móveis. “Mas tem de tomar cuidado com o que vai ligar nela. É importante que se pense onde colocar o DVD, o videogame, o aparelho da TV a cabo”.
 
7- Porta Retratos
 
Porta-retratos podem incrementar a decoração e reavivar memórias. É permitido investir em molduras de modelos e tamanhos diferentes, dependendo do estilo do dono do quarto.
 
8- Facilite a Circulação
 
Encher o quarto de móveis pode atrapalhar a circulação, principalmente em quartos pequenos. Recomenda-se deixar corredores de pelo menos 60 cm nas laterais das camas e em frente aos armários. “Em quartos de solteiro, vale encostar a cama na parede, porque se acaba ganhando espaço para circulação. Fazer isso com cama de casal não fica bom, já que quem dorme ao lado da parede tem dificuldade para se levantar.”
 
9- Organização
 
Quanto menor o ambiente, mais organizado ele deve ser. Objetos jogados, sem espaço para serem guardados, poluem o quarto. Por isso, os móveis precisam de um bom planejamento. 
 
 
10- Móveis
 
Os móveis do quarto podem ser de materiais variados, como madeira e laca. Portas de correr otimizam o espaço, assim como uma bancada de estudo ao lado da cama, que também tem a função de criado-mudo.
 

Decoração com aquários

Além de representarem um hobbie, os aquários estão sendo cada vez mais usados como elementos de decoração. São excelentes para tornar o ambiente mais calmo e relaxante, conferindo beleza natural a qualquer espaço em que se encontrem.
 
As opções de aquários são muitas no mercado. Algumas lojas oferecem até mesmo a possibilidade de escolher todas as dimensões do aquário que será confeccionado, o que permite ao cliente a melhor disposição desse objeto no espaço desejado.
 
Observar peixes no aquário, dizem estudos, ajuda a aliviar o stress e a reduzir a pressão arterial. Sem contar que cuidar de um aquário também pode ser muito divertido. É importante verificar se haverá tempo e disposição dos moradores para fazer a manutenção do aquário. Alimentar os peixes, limpar o aquário e estar sempre atento à temperatura e à qualidade da água são tarefas muito importantes e que devem ser levadas a sério.
 
O aquário não só enfeita o ambiente, ele pode ganhar diferentes funções. Uma delas é ser um divisor de espaços, separando diferentes locais e, como efeito adicional, permitindo que a luz passe. Aquários mais iluminados podem inclusive ser usados para compor a iluminação do ambiente.
 
Não é preciso gastar muito dinheiro nem ocupar grandes porções de espaço (que podem não estar disponíveis) apenas para ter um aquário grande. Aquários de tamanho menor também embelezam o ambiente e são igualmente capazes de dar complemento à decoração e torná-la mais criativa e diversificada. 
 
Fonte:http://www.capitalimoveistv.com.br/noticias/31-decoracao-com-aquarios
Voltar ao Topo