Pra Você

Auto

Cuidado com os freios

 

O freio exige uma série de cuidados para funcionar perfeitamente. 
 
A primeira coisa é observar, de preferência num mecânico ou loja especializada, o estado das lonas traseiras e das pastilhas, que vã na frente (okay, sei que há carros com pastilhas na quatro rodas, mas são raros e caros!).
 
As pastilhas duram 40 000 km. Claro que se dirigir como um piloto de Fórmula 1, a duração é bem menor. De toda forma, é um número para se ter em mente.
 
Deixar a pastilha gastar até o final também pode detonar (aliás, é muito provável que) o disco de freio. Se isso acontecer, nem pense em fazer o chamado “repasse”, que consiste em lixar o disco até aplainar as saliências deixadas pelo desgaste.

Como andar com carro rebaixado

O amortecedor é um componente da suspensão do veículo e é responsável pelo controle das molas para evitar balanços excessivos e garantir a segurança do automóvel e de seus ocupantes. Sinais como menor estabilidade em curvas, maior distância para a frenagem, desgastes de pneus e peças da suspensão, risco de aquaplanagem, balanço excessivo e vibrações indicam que a vida útil do amortecedor já está comprometida, assim, se você perceber qualquer anormalidade na suspensão é imprescindível que se faça uma revisão ou que se troquem as peças necessárias.
 
Para a galera que tem carro rebaixado na “brabeza” as sensações de desconforto são mais perceptíveis. Para a turma dos rebaixados o recado é claro. Não adianta ficar desesperado, a melhor maneira de se conduzir para evitar qualquer tipo de obstáculos é dirigindo com atenção, pois as ruas das grandes cidades escondem armadilhas constantes para os carros rebaixados. Evitar ruas com lombadas é uma boa solução, mesmo que para isso o trajeto se torne ainda mais longo. Desta forma pode-se estar evitando prejuízos maiores e mais caros. Cuidados básicos como estes para manter a conservação dos componentes da suspensão não podem ser esquecidos. “É completamente possível evitar maiores danos, mas arranhões e raspões são inevitáveis. E como dizem, ‘este é o preço do sucesso’”. Rodar com um carro rebaixado requer que seu dono esteja consciente dos cuidados que um rebaixado exige.
 
Entradas em garagens, valetas, buracos e lombadas (muitas das vezes irregulares) acabam surgindo como obstáculos cotidianos dificultando a vida dos carros rebaixados. A velha solução de entrar de lado nas lombadas e em guias rebaixadas pode acabar corrompendo o monobloco do carro ou sobrecarregando alguma das suspensões. Lembre-se que carros com suspensão rebaixada ficam muito próximos ao solo. Dirigir com cuidado, ficar ligado nas ruas em que se trafega e andar sempre em baixas velocidades ainda é a melhor solução para evitar surpresas desagradáveis.
 
AQUI VÃO ALGUMAS DICAS PARA SE RODAR TRANQUILO COM UM CARRO REBAIXADO.
 
1- Saídas de garagens exigem que o carro esteja com o menor peso possível, preferencialmente com o motorista apenas;
2- As valetas devem ser atravessadas em primeira marcha e sem se usar o freio. Porém, é preciso que se passe reto e devagar, acelerando apenas no fim;
 
3- Em lombadas é preciso reduzir antes e frear. Evite passar com o carro de lado para não empenar a carroceria, rachar o monobloco ou sobrecarregar a suspensão;
 
4- Caso você esteja em alta velocidade e surgir um buraco ou uma lombada as dicas são as seguintes:
a) Mantenha a velocidade constante;
 
b) Nunca freie no buraco ou na lombada. A roda parada concentra o impacto num único ponto, o que pode destruí-la para sempre e ainda danificar a suspensão.
 
c) Rodas grandes e pneus de perfil baixo precisam rolar lentamente até encostar-se ao obstáculo evitando o impacto direto e o surgimento de bolhas.
 
Essas são dicas bem úteis para se preservar a suspensão dos carros, especialmente as de carros rebaixados. As dicas estão ai, agora é só aproveitar o passeio no seu possante rebaixado.
 
Texto: Eduardo Silva.
Fotos: Divulgação – Internet.

Como economizar gasolina

Se cada vez que você vai encher o tanque seu bolso grita, aqui vão alguns conselhos simples que lhe ajudarão a economizar gasolina, independentemente do carro que você usa. 

Inicialmente meça quanto seu carro consome, para isto encha o tanque de gasolina e ponha em zero o odômetro do carro (o contador de quilômetros que normalmente fica debaixo do indicador de velocidade). No momento de encher de novo o tanque, tome nota de quantos quilômetros percorreu e divida-o pela quantidade de litros que colocou em seu tanque. Por exemplo 500Km / 50 litros = 10 Km x litro. 
Uma vez que você saiba o consumo de seu carro nas condições em que costuma dirigir, comece aplicando os conselhos abaixo. Você deve ver resultados já no próximo abastecimento e seu bolso vai agradecer! 
 
Pneus 
Calibre os pneumáticos de seu carro cada vez que encher o tanque. O ideal é ler no manual do carro para saber qual é a pressão ideal. Isto melhorará entre 2 e 3 % o consumo. 
 
Carga desnecessária 
Elimine o peso desnecessário do veículo. Quanto mais pesado, mais você terá que acelerar o carro para obter a velocidade desejada. Libere do porta-malas: ferramentas, malas, livros, brinquedos e tudo o que não seja necessário levar. Já são mais 1 ou 2% de melhora no rendimento de seu carro. 
 
Limpeza 
Mantenha seu carro limpo e encerado! Sim, numa viagem longa, peritos dizem que se pode economizar até 7%, já que se reduz a resistência do ar em contato com a superfície do carro e se aumenta a aerodinâmica. 
 
Marcha Adequada 
Utilize a marcha mais alta possível, quando estiver viajando a uma velocidade média e constante. Quando o veículo começa a mover-se, necessita maior força do motor e para isso você coloca a 1ra marcha, uma vez que o veículo alcance certa velocidade é recomendável ir trocando as marchas até a maior sem chegar a ocasionar vibrações ou forçar o motor. Deste modo você só precisará apertar levemente o acelerador e seu motor consumirá menos gasolina. 
 
Trânsito lento 
Em trânsito congestionado é recomendável desligar o motor, se for permanecer mais de 5 minutos parado. Isso diminuirá o consumo e o motor não trabalhará sem necessidade. 
 
Ar- Condicionado 
Em trechos curtos de cidade ou à baixa velocidade evite usar o ar condicionado. O uso deste dispositivo aumenta o consumo de gasolina em 10% aproximadamente. Em viagens longas, de estrada, não é recomendável manter as janelas abertas já que se criará uma resistência aerodinâmica e uma turbulência dentro do veículo que fará que se exija mais do motor aumentando o consumo. 
 
Organize suas viagens 
O motor de seu caro, quando está frio consome mais gasolina que quando quente, portanto fazer várias paradas enquanto o motor está frio aumenta o consumo. Organize os trajetos mais longos primeiro para que o motor esquente e chegue à temperatura de operação ideal, depois os trechos mais curtos. Isto lhe ajudará a economizar alguns litros por semana. 
 
Estilo de Direção 
Dirija com calma, especialmente se o trânsito estiver lento ou se estiver na cidade. De nada serve acelerar fortemente o motor se na próxima esquina terá que parar novamente. Aceleradas violentas aumentam o consumo e em distâncias curtas não economizará mais que alguns segundos. 
 
Manutenção 
Faça manutenção do seu carro de acordo com o Manual de Manutenção do Fabricante. Velas novas, filtros de ar e gasolina limpos, óleo em condições ideais, gasolina de octanagem adequada farão que melhore o desempenho do carro até 10%.

A lavagem certa para cada situação

Dependendo da situação, alguns cuidados extras devem ser tomados para que seu carro não fique limpo apenas superficialmente. 

A maresia, por exemplo, pode transformar seu carro em pó, devido à corrosão.
 
Veja como cuidar corretamente do seu carro: 
• A lavagem deve ser feita sempre sob a sombra, para evitar manchas na pintura. 
• Não misture querosene à água para lavar a carroceria. O produto danifica a pintura. 
• Lave o carro por partes, de cima para baixo. 
• Use só água e sabão neutro na lavagem. 
• Use sumo de limão para remover manchas de cimento da lataria.
 

Culinária

OVO DE CHOCOLATE TRUFADO

 

Derreta o chocolate meio amargo em banho-maria.
Retire do fogo.
 
Acrescente o creme de leite sem parar de mexer até formar uma pasta brilhante.
Reserve na geladeira até o dia seguinte.
 
Derreta o chocolate branco no micro-ondas por três minutos na potência média.
Retire do forno e mexa até acabar de se derreter.
 
Transfira para um refratário limpo e bem seco e mexa o chocolate até que, ao encostar um pouco nos lábios, dê a sensação de frio.
 
Pincele o chocolate derretido em uma fôrma própria e leve-a à geladeira com a boca para baixo sobre papel-alumínio.
Deixe secar até a fôrma ficar opaca.
 
Retire o ovo da geladeira e espalhe a ganache dentro, deixando um borda de 1 cm sem o recheio.
 
Faça uma nova camada de chocolate derretido sobre o recheio e devolva a fôrma à geladeira
 
Deixe secar.
Desenforme com cuidado e faça arabescos com o chocolate ao leite derretido.
 
Deixe o ovo descansar na temperatura ambiente por uma hora.
Embrulhe cada metade em papel-chumbo, junte-as e embale com papel decorado.

Ovo Branco Crocante

 

Em uma panela média, coloque o açúcar, a margarina e leve ao fogo, mexendo sempre até formar uma calda caramelada, retire do fogo, acrescente o amendoim ou a castanha de caju e misture bem. Espalhe a mistura sobre uma assadeira grande untada com margarina, depois de fria, leve-a para bater no processador de alimentos ou simplesmente quebre, usando para isso um martelinho de cozinha. Reserve. Derreta o chocolate branco conforme as instruções da embalagem.
 
Com uma colher, espalhe uma camada do chocolate derretido em uma forma para ovo de Páscoa de 500 g. Leve à geladeira para secar por apenas 2 minutos. Espalhe outra camada de chocolate e leve novamente à geladeira por mais 2 minutos, misture o crocante ao chocolate restante e espalhe a terceira e última camada. Volte à geladeira até secar completamente, o que levará aproximadamente 30 minutos, desenforme o ovo e embrulhe em papel-chumbo, próprio para chocolate.

Saúde

Salão de beleza: utilize sem prejudicar sua saúde!

 
Manicure e pedicure:
 
- o ideal é levar seu próprio estojo de instrumentos para o tratamento de suas unhas;
 
- todos os instrumentos não descartáveis, utilizados por manicures, pedicures e podólogos, devem ser lavados, secados, embalados e esterilizados na autoclave (equipamento mais indicado para este fim), ou estufa; 
 
- para o amaciamento de cutículas o creme amaciante é a melhor opção. Se for utilizar bacias para imersão de pés e mãos, essas devem ser lavadas e revestidas com protetores plásticos descartáveis; 
 
- os produtos mais seguros para estancar o sangue quando ocorrer ferimentos, são o spray e o pó hemostático. Não é indicado usar o bastão hemostático. 
 
Doenças graves como hepatite e aids podem ser adquiridas em pequenos ferimentos causados por instrumentos contaminados ou mal esterilizados.
 
Depilação:
 
As ceras depilatórias não podem ser reaproveitadas, devido à possibilidade de transmissão de doenças.
 
Cuidados com os cabelos:
 
- as escovas e pentes devem estar limpos e sem fios de cabelo de outros clientes;
 
- alisantes com formol são proibidos e podem causar descamação e vermelhidão no couro cabeludo, queda de cabelos, alergias e até câncer;
 
- o profissional deve fazer os testes de alergia recomendados pelos fabricantes antes de usar qualquer produto.
 
Os produtos utilizados deverão ser registrados na Agência Nacional de Vigilância Sanitária do Ministério da Saúde e estar dentro do prazo de validade. O profissional deve prestar todas as informações solicitadas pelos clientes.
 
 
Maquiagem:
 
Compartilhar cosméticos pode ser um risco para a saúde (por exemplo: herpes, conjuntivite), por isso é recomendado levar ao salão os produtos a serem utilizados nos olhos e nos lábios.
 
A escolha criteriosa de um salão de beleza é necessária, pois muitas doenças de pele, cabelos e unhas podem adquiridas se as condições de higiene não forem observadas.
 
Fique de olho!
 
 
- toalha: deve ser de uso único e individual, ou seja, trocada a cada cliente;
 
- lavatório: deve possuir toalhas de papel, sabonete líquido e lixeira. O profissional deve lavar as mãos antes e depois do atendimento de cada cliente; 
 
- lâminas: devem ser trocadas a cada cliente e descartadas;
 
- esterilização: o estabelecimento deve ter os equipamentos (autoclave ou estufa) necessários para a esterilização dos instrumentos. Fornos elétricos não esterilizam esses materiais; 
 
- lixo: lâminas e outros artigos cortantes devem ser descartados em lixeira própria.
 
Observe se a esterilização está sendo feita. Isso é importante para evitar a transmissão de doenças. A falha mais freqüente em salões de beleza é a falta de esterilização dos instrumentos.
 
Fonte: http://bvsms.saude.gov.br/bvs/dicas/241_salao_de_beleza.html

Como prevenir as varizes

Como em quase tudo o que acontece de desagradável com o nosso corpo, a prevenção das varizes passa pelo estabelecimento de hábitos saudáveis como práticar exercícios regularmente, ter uma alimentação saudável, não fumar e evitar o estresse. Como observa o angiologista Edson Amaro Neves, embora os fatores genéticos não possam ser ignorados, hábitos saudáveis previnem e ajudam a curar varizes.

Mas existem alguns cuidados extras que podem ser tomados.
 
Veja quais:
 
Evite o uso de saltos altos, pois eles atrapalham a circulação do sangue.
 
Consulte um médico e peça orientações específicas se for iniciar o tratamento com a pílula anticoncepcional.
 
Evite o hábito de carregar pesos. Se isso for inevitável, procure alternativas como carrinhos com rodinhas, por exemplo.
 
Não fique o dia inteiro na mesma posição. Se isso for inevitável, levante-se regularmente para liberar a circulação sangüínea.
 
Tenha cuidado com exercícios como a musculação ou a aeróbica de alto impacto, porque provocam uma maior tensão nos vasos e, por conseqüencia, a sua dilatação.
 
Evite permanecer em lugares quentes por muito tempo, como em saunas, sessões de bronzeamento ou banhos quentes, porque também provocam dilatação dos vasos.
 
Sempre que possível, deite-se com as pernas elevadas, para favorecer o retorno venoso, já que os pés ficarão mais altos que o coração.
 
Jamais trate as varizes sem o acompanhamento de um angiologista.
 

Caminhadas e Corridas

Para quem quer sair do sedentarismo e ir progredindo aos poucos, uma das dicas é introduzir uma rotina que inclua caminhadas e corridas. Rapidamente, você ganhará condicionamento físico e passará a se sentir melhor.
 
Alguns beneficios de caminhadas e corridas são:
 
-Queima de calorias
 
- Facilitação do controle da pressão arterial.
 
- Melhora qualidade do sono.
 
- Auxílio na diminuição do colesterol.
 
- Melhora no humor.
 
- Melhora circulação sanguínea.
 
- Diminuição da sensação de cansaço no dia a dia.
 
Alternar os exercícios
 
É sugerido caminhada e corrida alternadas para qualquer tipo de praticante. “Essa prática seria interessante, por exemplo, para iniciantes que não conseguem manter o ritmo prolongado por muito tempo.” Isso estimula seu corpo a ir se acostumando aos poucos com a intensidade que a corrida contínua exige.
 
Também é recomendado que procure um médico antes de tudo, para que seja realizado ao menos dois tipos de exames: físico e ergométrico. No exame físico, o profissional analisa se a atividade física auxiliará ou prejudicará a sua saúde. Além disso, pode indicar o melhor tipo de calçado, ou piso, para você começar a realizar o seu esporte sem traumas.
 
Já o teste ergométrico medirá em qual intensidade você deve iniciar. No teste, o médico consegue saber qual a sua aptidão cardiorrespiratória, ou seja, qual a frequência cardíaca máxima (e confortável) que o seu coração aguenta praticar um esporte. Cada pessoa possui uma capacidade. Portanto, faça o exame e respeite o seu potencial inicial. 
 

5 dicas simples para emagrecer

Essas 5 dicas simples para emagrecer e perder barriga envolvem apenas mudanças de hábitos, que estão listadas por ordem de importância, começando por:
 
Dormir Bem.
Pode não ser muito óbvio mas fazer dieta em fase de muito trabalho e pouco sono é tortura. Descansar bem dá ânimo para se cumprir os compromissos e torna mais fácil resistir às tentação além de deixar o corpo mais disposto a fazer mais exercício. Em média as pessoas precisam de 6 a 8 horas de sono para descansar diáriamente.
 
Beber Muita Água durante o Dia.
A água durante as refeições não é aconselhada, por isso, se deve água até meia hora antes das refeições e esperar outra meia hora para voltar a beber água depois das refeições. A quantidade de água necessária varia de pessoa para pessoa. Beber entre 1 e dois litros de água por dia não é de mais, mas deve ser todos os dias.
 
Fazer algum Exercício Físico.
O tipo do exercício não é o mais importante. É natural que correr muito rápido emagrece mais rápidamente do que apenas caminhar, mas correr não é para todas as idades, nem para todos os joelhos, por isso se a melhor solução para todos os dias ou 3 vezes por semana é caminhar, é esse o melhor exercício físico do mundo pra você. O importante é fazer o que o corpo permite e nunca ficar parado.
 
Comer frutas e legumes.
Insira no regime alimentar frutas ou legumes em todas as refeições. Como por exemplo uma salada de frutas com iogurte ao lanche da tarde e uma salada de alface e tomate, atum e maçã ao jantar. Mesmo em pequenas quantidades durante o dias as frutas e legumes fornecem muitas fibras e vitaminas e por isso é fonte de saúde e ajuda a emagrecer e perder barriga.
 
Não ficar com Fome.
Fazer pequenas refeições a cada 3 horas pode parecer exagerado, mas é certo que a fome não aparece, as porções de comida ao poucos vão diminuindo e o peso também. Colocar lembretes no celular ou na agenda e se programar no dia anterior para os horários das refeições pode tornar essa tarefa mais fácil de cumprir.
Se emagrecer é muito difícil, pode ser importante consultar um endocrinologista para analisar se a tiróide está funcionando como deveria e um nutricionista ou médico nutrólogo pode ser consultado para estabelecer regras do regime alimentar personalizadas e assim ficar mais simples de cumprir, além de ser muito bom ter alguém mais no "time" torcendo e cobrando resultados.
 
Nos casos em que o indívíduo tem algum problema de saúde como gastrite, asma, osteoporose ou mesmo apenas uma limitação de mobilidade, a orientação e conselho dos médico para conciliar a dieta com a toma de medicamentos e a  adaptação à doença que apresenta é fundamental para que seja possível emagrecer melhorando a qualidade de vida e não o contrário.

Sua Casa

Cozinhas

A cozinha é um dos ambientes que mais refletem o estilo de vida de uma família. A importância que se dá na decoração de cozinha é proporcional à importância que este ambiente possui no contexto familiar.

Na hora de projetar a cozinha é importante prestar atenção ao quesito ventilação, circulação e iluminação. A cozinha não pode ser um corredor de passagem, e a iluminação natural é uma boa dica, além de ser agradável ela não distorce a cor dos alimentos.
Para cozinhas pequenas opte por cores claras para que o ambiente pareça mais amplo, a iluminação abundante ajuda a aumentar a sensação de espaço.
 
Uma das transformações mais visíveis da última década no mundo da decoração foi a incorporação da cozinha na sala tornando os dois espaços mais amplos e trazendo o espaço gastronômico para o centro das atenções: a cozinha americana.
 

Quiosques

Se você gosta de novidades e construções diferentes e está construindo ou reformando a sua casa, e ela possui bastante espaço, faça um Quiosque em sua casa, eles são super modernos, e você vai ter em sua casa um espaço super aconchegante e bonito.
Os Quiosques Residenciais podem ser construídos próximo a piscinas, canto do jardim, no quintal de sua casa e podem ser construídos de várias formas, por exemplo, como uma área de churrasqueira, um pequeno salão de festa, um espaço para descansar com redes e bancos.
 
Os quiosques podem ser construídos com diversos tipos de materiais, isso vai depender da sua situação financeira e também do seu gosto e estilo, eles podem ser construídos de alvenaria com telhas, madeira e palha, sapé ou piaçava isso você é quem vai escolher, eles também podem ser de forma retangular ou circular.
 
Se você deseja fazer um quiosque para área de churrasqueira utilize a madeira e telha, pois a palha não é aconselhável, devido ser um espaço que vai lidar bastante com o fogo.
 
Você escolhe o modelo, se for próximo a piscina os de palha caem super bem, coloque bancos de madeira e vai ser um excelente lugar para receber os amigos, use a sua criatividade e deixe o quiosque de sua casa, um espaço super aconchegante e bonito.
 
Fonte: http://cafebox.com.br/dicas-de-quiosques-residenciais-modelos-e-sugestoes-e-fotos/

Quartos

A maior privacidade de uma pessoa é em seu quarto. É o lugar onde se pode descansar, ficar a vontade, fazer o que quiser, a final, se está entre “quatro paredes”.
Para ficar melhor, porque não fazer um quarto moderno ou temático, quem sabe um quarto bem colorido ou rústico, faça dele o local mais agradável e aconchegante que puder, pois como todos dizem, “é o nosso cantinho”.
 
Dicas de decoração
 
1- Para começar, observe bem a iluminação, pois, é um fator essencial. As lâmpadas amarelas são indicadas por proporcionar uma sensação de relaxamento, além de ser mais confortável à vista. Mas, antes de planejar o local da iluminação, defina antes, o posicionamento dos móveis.
 
2-Os móveis não têm muito segredo; o essencial é cama, guarda-roupas e cômoda. Suas disposições dependem do formato e tamanho do quarto. O segredo é sempre deixar passagens livres para não aparentar que seu quarto seja menor do que é.
 
3-Use cores vivas na parede que ficará atrás da cama e nas demais use tons mais claros e suaves. Cores escuras podem dar aparência de que o ambiente é pequeno.
 
4-A escolha do piso certo também influencia na decoração, ele deve ficar em harmonia com a cama, e móveis (escrivaninha e armário, por exemplo), já que na maioria das vezes são os objetos que ocupam mais espaço no quarto, e serão eles que caracterizarão o ambiente.
 
5-Para um quarto jovem, o ideal é se usar cores vibrantes, e cheia de vida com a moderação de outros tons pasteis, contrastes e simplicidade. A TV e o PC devem estar presentes nesse ambiente. A iluminação é muito importante, além da luz geral do quarto, deve-se ter uma para ler durante a noite, outra para ouvir musica, entre outros. A mobília de preferência será metálica ou de madeira simples sem grandes trabalhados, é de extrema importância haver prateleiras, pois nesta fase da vida o jovem tem muitas coisas, material de estudo, livros, CD’s, e muito mais.
 
6-Espelhos não servem apenas para conferir a aparência, na decoração eles servem para deixar um aspecto maior ao ambiente
 
7-A cama é item de maior importância, por isso escolha um modelo que combine com o restante, a cabeceira é o principal item de decoração, deve harmonizar com o estilo do quarto.
 
8-Antes de colocar a TV, pense no que vai ser ligado a ela (DVD, videogame, TV a cabo) assim você saberá como fazer a decoração, pode-se colocar a TV na parede, junto de um aparador, embutido no roupeiro ou em um painel.
 
9-Não exagere na quantidade de móveis, facilite a circulação, em quartos de solteiro encoste a cama na parede deixando o espaço maior, já no quarto de casal isso não fica bom, deixe um espaço de pelo menos 60 cm nas laterais.
 
10-Cortinas podem criar certos climas para o ambiente, por isso escolha bem que modelo usar. Panos grossos preservam a privacidade, se o seu quarto for claro, com paredes claras, você pode usar uma cortina com cor mais forte para contrastar com o resto. Mas se você quiser deixar o seu quarto com um ar leve e mais sofisticado, compre cortinas de cor clara. Persianas são muito úteis, pois podem ser abertas e fechadas sem que você tenha que puxá-las, pois isso é feito através de um sistema com corda. A de pano é muito mais bonita esteticamente falando, é mais clássica e ao prender, você pode escolher fitas para combinar, para que continue bem bonita de manhã.
 
Não tem mistério, estude o tamanho do quarto antes de escolher os móveis, uma cor legal para as paredes, uma iluminação agradável para o ambiente e decorações sem muito exagero.
 
Voltar ao Topo