Pra Você

Auto

Lâmpadas Halógenas x Xenon x LEDs

 

Temperatura (k) é diferente de Potência (w)
 
Potência (w) é diferente de Lúmens (qualidade de iluminação)
 
Temperatura é diferente de Lúmens (lm)
 
Portanto 8500k não quer dizer que a lâmpada é ruim e ilumina pouco.
 
Em lâmpadas de Xenon 35w 8500k (azul), obtém-se em torno de 2500 lúmens.
 
Em lâmpadas de LED 55w 8500k , obtém-se no máximo 300 lúmens.
 
Lâmpadas de Xenon 35w 4300k (branco amarelado), apesar de serem muito mais discretas, são proibidas. Estas possuem em torno de 3200 lúmens.
 
Atualmente, a melhor lâmpada automotiva em qualidade de iluminação é a Xenon 55w 4300k, que é capaz de gerar até 5400 lúmens.
 
Lâmpadas halógenas originais 55w tem uns 800 lúmens e lâmpadas no estilo GP Thunder 55w tem uns 1100 lúmens.
 
Lâmpadas halógenas de 100w são proibidas e além disso podem danificar os faróis (queimando-os e/ou deixando-os amarelados).
 
Outro fator levado em conta na hora de escolher lâmpadas pro carro é a durabilidade.
 
Lâmpadas de gás xenônio duram em torno de 3000 horas, enquanto as lâmpadas halógenas tem vida útil de 400 horas.
 
As lâmpadas de LED tem uma vida útil surpreendente de até 50.000 horas.

Trocas de pneus

Vamos falar a verdade. Pneu é “caro pra chuchu”. Às vezes, só se tem o dinheiro para trocar dois pneus e não os quatro, como é o ideal. Neste caso, o que fazer? 
 
A maioria das pessoas troca os pneus dianteiros. Errado. 
 
Luciano Burti foi até um campo de provas de um grande fabricante de pneu, em Paulínea, interior São Paulo, para fazer o teste. 
 
Primeiro um carro circula com os pneus carecas atrás e os novos na frente. Ao entrar numa curva, com a pista molhada o carro perde o controle. “Se estivéssemos em uma rua e não em um campo de provas, um acidente poderia ter acontecido”.
 
Agora invertemos: os pneus carecas na frente e os novos atrás. “Não acontece nada, o carro não escapa e o carro mantém a sua trajetória. Quando você opta por trocar só dois pneus, a melhor opção é colocar os novos no eixo traseiro”.

Como andar com carro rebaixado

O amortecedor é um componente da suspensão do veículo e é responsável pelo controle das molas para evitar balanços excessivos e garantir a segurança do automóvel e de seus ocupantes. Sinais como menor estabilidade em curvas, maior distância para a frenagem, desgastes de pneus e peças da suspensão, risco de aquaplanagem, balanço excessivo e vibrações indicam que a vida útil do amortecedor já está comprometida, assim, se você perceber qualquer anormalidade na suspensão é imprescindível que se faça uma revisão ou que se troquem as peças necessárias.
 
Para a galera que tem carro rebaixado na “brabeza” as sensações de desconforto são mais perceptíveis. Para a turma dos rebaixados o recado é claro. Não adianta ficar desesperado, a melhor maneira de se conduzir para evitar qualquer tipo de obstáculos é dirigindo com atenção, pois as ruas das grandes cidades escondem armadilhas constantes para os carros rebaixados. Evitar ruas com lombadas é uma boa solução, mesmo que para isso o trajeto se torne ainda mais longo. Desta forma pode-se estar evitando prejuízos maiores e mais caros. Cuidados básicos como estes para manter a conservação dos componentes da suspensão não podem ser esquecidos. “É completamente possível evitar maiores danos, mas arranhões e raspões são inevitáveis. E como dizem, ‘este é o preço do sucesso’”. Rodar com um carro rebaixado requer que seu dono esteja consciente dos cuidados que um rebaixado exige.
 
Entradas em garagens, valetas, buracos e lombadas (muitas das vezes irregulares) acabam surgindo como obstáculos cotidianos dificultando a vida dos carros rebaixados. A velha solução de entrar de lado nas lombadas e em guias rebaixadas pode acabar corrompendo o monobloco do carro ou sobrecarregando alguma das suspensões. Lembre-se que carros com suspensão rebaixada ficam muito próximos ao solo. Dirigir com cuidado, ficar ligado nas ruas em que se trafega e andar sempre em baixas velocidades ainda é a melhor solução para evitar surpresas desagradáveis.
 
AQUI VÃO ALGUMAS DICAS PARA SE RODAR TRANQUILO COM UM CARRO REBAIXADO.
 
1- Saídas de garagens exigem que o carro esteja com o menor peso possível, preferencialmente com o motorista apenas;
2- As valetas devem ser atravessadas em primeira marcha e sem se usar o freio. Porém, é preciso que se passe reto e devagar, acelerando apenas no fim;
 
3- Em lombadas é preciso reduzir antes e frear. Evite passar com o carro de lado para não empenar a carroceria, rachar o monobloco ou sobrecarregar a suspensão;
 
4- Caso você esteja em alta velocidade e surgir um buraco ou uma lombada as dicas são as seguintes:
a) Mantenha a velocidade constante;
 
b) Nunca freie no buraco ou na lombada. A roda parada concentra o impacto num único ponto, o que pode destruí-la para sempre e ainda danificar a suspensão.
 
c) Rodas grandes e pneus de perfil baixo precisam rolar lentamente até encostar-se ao obstáculo evitando o impacto direto e o surgimento de bolhas.
 
Essas são dicas bem úteis para se preservar a suspensão dos carros, especialmente as de carros rebaixados. As dicas estão ai, agora é só aproveitar o passeio no seu possante rebaixado.
 
Texto: Eduardo Silva.
Fotos: Divulgação – Internet.

Como economizar gasolina

Se cada vez que você vai encher o tanque seu bolso grita, aqui vão alguns conselhos simples que lhe ajudarão a economizar gasolina, independentemente do carro que você usa. 

Inicialmente meça quanto seu carro consome, para isto encha o tanque de gasolina e ponha em zero o odômetro do carro (o contador de quilômetros que normalmente fica debaixo do indicador de velocidade). No momento de encher de novo o tanque, tome nota de quantos quilômetros percorreu e divida-o pela quantidade de litros que colocou em seu tanque. Por exemplo 500Km / 50 litros = 10 Km x litro. 
Uma vez que você saiba o consumo de seu carro nas condições em que costuma dirigir, comece aplicando os conselhos abaixo. Você deve ver resultados já no próximo abastecimento e seu bolso vai agradecer! 
 
Pneus 
Calibre os pneumáticos de seu carro cada vez que encher o tanque. O ideal é ler no manual do carro para saber qual é a pressão ideal. Isto melhorará entre 2 e 3 % o consumo. 
 
Carga desnecessária 
Elimine o peso desnecessário do veículo. Quanto mais pesado, mais você terá que acelerar o carro para obter a velocidade desejada. Libere do porta-malas: ferramentas, malas, livros, brinquedos e tudo o que não seja necessário levar. Já são mais 1 ou 2% de melhora no rendimento de seu carro. 
 
Limpeza 
Mantenha seu carro limpo e encerado! Sim, numa viagem longa, peritos dizem que se pode economizar até 7%, já que se reduz a resistência do ar em contato com a superfície do carro e se aumenta a aerodinâmica. 
 
Marcha Adequada 
Utilize a marcha mais alta possível, quando estiver viajando a uma velocidade média e constante. Quando o veículo começa a mover-se, necessita maior força do motor e para isso você coloca a 1ra marcha, uma vez que o veículo alcance certa velocidade é recomendável ir trocando as marchas até a maior sem chegar a ocasionar vibrações ou forçar o motor. Deste modo você só precisará apertar levemente o acelerador e seu motor consumirá menos gasolina. 
 
Trânsito lento 
Em trânsito congestionado é recomendável desligar o motor, se for permanecer mais de 5 minutos parado. Isso diminuirá o consumo e o motor não trabalhará sem necessidade. 
 
Ar- Condicionado 
Em trechos curtos de cidade ou à baixa velocidade evite usar o ar condicionado. O uso deste dispositivo aumenta o consumo de gasolina em 10% aproximadamente. Em viagens longas, de estrada, não é recomendável manter as janelas abertas já que se criará uma resistência aerodinâmica e uma turbulência dentro do veículo que fará que se exija mais do motor aumentando o consumo. 
 
Organize suas viagens 
O motor de seu caro, quando está frio consome mais gasolina que quando quente, portanto fazer várias paradas enquanto o motor está frio aumenta o consumo. Organize os trajetos mais longos primeiro para que o motor esquente e chegue à temperatura de operação ideal, depois os trechos mais curtos. Isto lhe ajudará a economizar alguns litros por semana. 
 
Estilo de Direção 
Dirija com calma, especialmente se o trânsito estiver lento ou se estiver na cidade. De nada serve acelerar fortemente o motor se na próxima esquina terá que parar novamente. Aceleradas violentas aumentam o consumo e em distâncias curtas não economizará mais que alguns segundos. 
 
Manutenção 
Faça manutenção do seu carro de acordo com o Manual de Manutenção do Fabricante. Velas novas, filtros de ar e gasolina limpos, óleo em condições ideais, gasolina de octanagem adequada farão que melhore o desempenho do carro até 10%.

Culinária

Receita de Pizza de pão francês

Corte os pães deitados ao meio (não corte como torradas)
Passe na forma manteiga
Molhe no leite os pães franceses, aperte para tirar o excesso do leite cubra todo o fundo com o miolo virado para cima em uma assadeira apertando
Passe o molho de tomate em cima dos pães e acrescente, o presunto, queijo, bacon, cebola, azeitona e salpique o orégano
Leve ao forno até derreter o queijo e corar um pouco
No forno preaquecido, dentro de 15 e 20 minutos está pronto (fica mais gostoso quando usamos pão de outro dia)

Saúde

Batata faz bem para o coração

Porém, não foram 18 participantes comuns, trata-se de um estudo com pessoas com sobrepeso ou obesas e que além do mais têm a pressão arterial alta. De acordo com o estudo, a ingestão de batata-roxa melhorou a saúde dos participantes de forma considerável. As batatas foram cozinhadas sem a utilização de azeites ou manteigas, enfim, sem gorduras.
 
De acordo com o nutricionista da Unifesp, João Victor Fornari, a batata-roxo não deve ser confundida com a batata-doce de interior amarelo. “Estamos falando de uma espécie silvestre de batatas com a casca e a polpa roxas. Tem sabor adocicado e pode ser usada par preparar um doce de textura pastosa e é muito apreciado por praticantes de atividades físicas”, revela.
 
No estudo, os participantes deviam se alimentar duas vezes ao dia com até oito batatas médias e roxas (do tamanho de uma bola de golfe) cozinhadas no forno de micro-ondas, somando um total de 218 calorias diárias. Os resultados foram reveladores: o consumo de batatas foi associado à diminuição de 3,5% da pressão arterial sistólica e cerca de 4,3% da diastólica. Além disso, nenhum dos indivíduos estudados ganhou peso.
 
Segundo os cientistas, a batata-roxa é uma fonte rica em antioxidantes que ajudam a reduzir a tensão arterial. O truque é comer a ‘pele’ dessas batatas porque a casca contêm muito mais desses antioxidantes e também é rica em potássio (outro elemento que ajuda a reduzir aa pressão arterial).
 
A maioria dos participantes estava tomando medicação para o estresse e mesmo assim os resultados foram positivos. De acordo com Joe Vinson, professor de química da Universidade de Scranton, a batata roxa e branca são semelhantes. Por isso, comer a pele de ambas pode ser benéfico ao coração.
 
Mais
 
De acordo com Fornari, a batata-roxa é originária do Peru e possui uma grande quantidade de polifenóis, nutrientes naturais que desempenham um papel importante na redução do risco de doenças cardíacas. Os polifenóis são compostos solúveis em água com poder antioxidante (podem ser encontrados também em frutas, mel, brócolis, aipo, cebola, salsa, vinho tinto, chá verde, chá branco ou azeite).
 
O nutricionista Fornari ainda diz que uma das vantages da batata-roxa é sua condição estutural ser classificada como um alimento de índice glicemico intermediário ou moderado. “Alguns estudos o classificam com baixo índice glicemico levando em conta a sua
resposta a porção glicemica. Ele pode ser usado em atividades físicas por proporcionar uma resposta mais lenta na absorção da glicose e também favorece atletas de atividades de resistência no inicio do exercício, não devendo ser usado em atividades de resistência ao decorrer da atividade.”

Postura e descanso são importantes para evitar lesões por repetição

O corpo humano não foi projetado para muitas das atividades que hoje pertencem à nossa rotina. Ficar sentado diante do computador durante horas, todos os dias, pode causar dores, dificuldades de movimentação e formigamento nos dedos. Esses e outros sintomas estão ligados à LER (lesão por esforço repetitivo), tema do Bem Estar.

A LER não é uma doença propriamente dita, mas engloba todos os problemas nos ossos e músculos que tenham origem em atividades repetitivas. Normalmente, o mal está ligado ao trabalho, mas isso não é regra. Para esclarecer o assunto, recebemos a terapeuta ocupacional Maria Cândida Luzo e o preparador físico José Rubens D’Elia, consultor do programa. Participou também a banda “Músicos do Futuro”, pois seus músicos exercem uma função que exige muita repetição e movimentos precisos. As lesões são mais recorrentes em pessoas que digitam muito ou apertam mouse, atendem e transferem telefonemas ou fazem fotocópias. Em casa, os serviços domésticos também desencadeiam problemas, por isso é preciso segurar corretamente panelas e vassouras. A lesão mais comum é a tendinite, uma inflamação nos tendões. Outras recorrentes são a síndrome do túnel do carpo, a tendinite de Quervain, o dedo em gatilho e o cotovelo de tenista. Os especialistas falaram, ainda, sobre os cuidados que se deve ter para evitar o surgimento de dores. Três aspectos são fundamentais para reduzir os riscos: é preciso fazer pausas durante qualquer atividade e saber respeitar os limites do corpo; a altura e a posição dos aparelhos precisa estar adaptada à pessoa; e é necessário ter atenção com a postura. Em qualquer atividade que se faça, é importante usar todo o corpo. Pense no movimento que você realiza, por exemplo, quando se abaixa para pegar um objeto pesado no chão – o ideal é dobrar os joelhos e usar as duas mãos. Esse tipo de raciocínio serve para todos os trabalhos braçais.

No caso do computador, em que a LER é comum, o que se deve observar é a posição dos objetos. A cadeira e a mesa devem ficar na altura que proporcione maior naturalidade e conforto a quem estiver sentado. A posição mais recomendada do monitor é à altura dos olhos, para evitar que a pessoa abaixe a cabeça e force o pescoço. Para usar o teclado e o mouse, o ideal é que o cotovelo forme um ângulo de 90 graus. Os dois pés devem ficar apoiados no chão e, se a máquina for compartilhada por indivíduos de alturas diferentes, o uso de almofadas pode resolver o problema.

Maria Cândida aproveitou para dar dicas sobre os laptops, computadores portáteis que muita gente usa em casa. Para utilizá-lo no colo, é preciso tomar alguns cuidados: recostar-se bem no assento, apoiar os pés no chão e colocar algum objeto para deixar o computador um pouco mais alto. Ainda assim, o ideal é colocá-lo sobre a mesa.

Quando o notebook ficar em cima da mesa, deve ser usado da mesma maneira que o desktop - computador convencional. Para isso, é recomendado colocar um suporte debaixo do computador, para que ele não fique muito baixo em relação aos olhos. Teclado e mouse também devem ficar na altura certa.

Fonte: Biolab

Link: http://biolablab.com.br/site/index.php/component/k2/item/100-postura-e-descanso-s%C3%A3o-importantes-para-evitar-les%C3%B5es-por-repeti%C3%A7%C3%A3o

Alimentos que oferecem mais energia

Em algumas situações pertinentes do nosso cotidiano, nos deparamos com a necessidade de fazer mais esforços, o que acaba demandando mais energia. Muitas pessoas acabam recorrendo à alguma vitamina, ou até mesmo, não dando a importância devida para esse tipo de problema que poderia ser resolvido de uma maneira simples, uma dela é: Ingerindo Alimentos que oferecem energia e disposição. Por isso listamos alguns alimentos energéticos:

Ovo: ajuda na recuperação dos esforços físicos
 
Salmão: auxilia na reconstrução muscular
 
Leite: tonifica os músculos
 
Couves, Espinafres, Açaí, Cenoura, Vagem, Rabanete, Tomate, Morango, Abóbora, Repolho, Laranja, Tofu.
 

Cuide da sua beleza enquanto dorme

 

Ter cuidados de beleza é fundamental para manter a pele jovem e bonita. Durante a noite é melhor ainda: além de proporcionar bem-estar, é o momento que nossa pele está mais preparada para receber os produtos. À noite, o metabolismo das células da pele aumenta e, por isso, ela absorve os nutrientes melhor que em qualquer outro período do dia.Graças aos avanços da indústria cosmética, é possível tratar do corpo, rosto e cabelo enquanto você desfruta de suas horas de sono. Confira a seguir o que você pode fazer em prol da sua beleza durante o sono para comece seu dia muito mais disposta e bonita!Rosto
A limpeza do rosto é fundamental. Quando a pele está limpa, ela está apta a receber os nutrientes com mais eficiência. Tonificar também é importante para eliminar aquela sujeirinha que o sabão não eliminou. Por fim, o hidratante noturno. Prefira produtos que estimulam o colágeno, além de antioxidantes como vitamina C, ácido retinóico e glicólico.
 
A produção de gordura da pele se intensifica pela noite. Se sua pele é oleosa, use um creme para diminuir os poros e controlar a oleosidade. Se você tem facilidade para cravinhos, tenha também um esfoliante suave para estimular a saída deles e prevenir o aparecimento de novos.
 
Olheiras
Use cremes específicos para olheiras na região dos olhos para amenizar a aparência pela manhã.
 
Lábios
Aproveite a noite para manter os lábios hidratados e evitar as rachaduras.
 
Corpo
Aplique um bom hidratante no corpo inteiro antes de ir para cama. Melhor ainda se o creme  unir princípios da aromaterapia: assim, você consegue acalmar a mente ao mesmo tempo em que hidrata o corpo.
 
Mãos
Depois de um dia inteiro de trabalho — expondo as mãos a vários produtos e até ao sol —, o melhor momento para cuidar das mãos é à noite, uma vez que elas vão ficar em repouso sem precisar serem lavadas. É durante a noite que os ingredientes irão agir sobre a pele. Portanto, use bons hidratantes nas mãos e não se esqueça de hidratar as unhas.
 
Pés
Não se esqueça dos pés: a noite é a melhor hora de hidratar os pés. Prefira cremes específicos rico em uréia (ativo com alto poder de hidratação).
 
Bronzeado
Se você quer ficar longe da brancura, conte com a ajuda dos autobronzeadores. Mas para que o resultado fique perfeito e o produto não meleque seu lençol, é essencial que você espalhe o autobronzeador de maneira uniforme. Espere 20 minutos e vista seu pijama. Em seguida, vá tranquila para cama, certa de que acordará com outro visual.
 
Cabelo
Existem várias marcas de leave-in noturno para hidratar o cabelo enquanto dormimos. Esses produtos contêm agentes que recuperam, nutrem e protegem as fibras capilares das agressões sofridas durante o dia. O produto pode ser aplicado sobre os fios úmidos ou secos (os cabelos não fica sebosos). E pode ficar despreocupada: o creme não mancha a fronha do travesseiro.
 
Dormir bem já é um embelezador natural, e essas dicas podem melhorar ainda mais sua auto-estima e bem-estar.

Sua Casa

Decoração com aquários

Além de representarem um hobbie, os aquários estão sendo cada vez mais usados como elementos de decoração. São excelentes para tornar o ambiente mais calmo e relaxante, conferindo beleza natural a qualquer espaço em que se encontrem.
 
As opções de aquários são muitas no mercado. Algumas lojas oferecem até mesmo a possibilidade de escolher todas as dimensões do aquário que será confeccionado, o que permite ao cliente a melhor disposição desse objeto no espaço desejado.
 
Observar peixes no aquário, dizem estudos, ajuda a aliviar o stress e a reduzir a pressão arterial. Sem contar que cuidar de um aquário também pode ser muito divertido. É importante verificar se haverá tempo e disposição dos moradores para fazer a manutenção do aquário. Alimentar os peixes, limpar o aquário e estar sempre atento à temperatura e à qualidade da água são tarefas muito importantes e que devem ser levadas a sério.
 
O aquário não só enfeita o ambiente, ele pode ganhar diferentes funções. Uma delas é ser um divisor de espaços, separando diferentes locais e, como efeito adicional, permitindo que a luz passe. Aquários mais iluminados podem inclusive ser usados para compor a iluminação do ambiente.
 
Não é preciso gastar muito dinheiro nem ocupar grandes porções de espaço (que podem não estar disponíveis) apenas para ter um aquário grande. Aquários de tamanho menor também embelezam o ambiente e são igualmente capazes de dar complemento à decoração e torná-la mais criativa e diversificada. 
 
Fonte:http://www.capitalimoveistv.com.br/noticias/31-decoracao-com-aquarios

Quiosques

Se você gosta de novidades e construções diferentes e está construindo ou reformando a sua casa, e ela possui bastante espaço, faça um Quiosque em sua casa, eles são super modernos, e você vai ter em sua casa um espaço super aconchegante e bonito.
Os Quiosques Residenciais podem ser construídos próximo a piscinas, canto do jardim, no quintal de sua casa e podem ser construídos de várias formas, por exemplo, como uma área de churrasqueira, um pequeno salão de festa, um espaço para descansar com redes e bancos.
 
Os quiosques podem ser construídos com diversos tipos de materiais, isso vai depender da sua situação financeira e também do seu gosto e estilo, eles podem ser construídos de alvenaria com telhas, madeira e palha, sapé ou piaçava isso você é quem vai escolher, eles também podem ser de forma retangular ou circular.
 
Se você deseja fazer um quiosque para área de churrasqueira utilize a madeira e telha, pois a palha não é aconselhável, devido ser um espaço que vai lidar bastante com o fogo.
 
Você escolhe o modelo, se for próximo a piscina os de palha caem super bem, coloque bancos de madeira e vai ser um excelente lugar para receber os amigos, use a sua criatividade e deixe o quiosque de sua casa, um espaço super aconchegante e bonito.
 
Fonte: http://cafebox.com.br/dicas-de-quiosques-residenciais-modelos-e-sugestoes-e-fotos/
Voltar ao Topo