Pra Você

Auto

Baterias

As baterias mais antigas precisam ter seu nível verificado e completado semanalmente com água destilada, mas hoje em dia, com as baterias seladas, quase não há preocupação, pois elas não precisam de qualquer tipo de manutenção. 

 
Alguns cuidados podem aumentar a vida útil de sua bateria: 
 
- Evite deixar faróis ou outros equipamentos elétricos ligados enquanto o veículo não estiver em funcionamento. 
- Dê partidas por no máximo 5 segundos, e se o carro não pegar aguarde 30 segundos para uma próxima tentativa. 
- Se a bateria descarregar, procure um auto-elétrico e carregue-a utilizando um aparelho de carga lenta, pois se for de carga rápida pode-se danificar a bateria. 
 

A lavagem certa para cada situação

Dependendo da situação, alguns cuidados extras devem ser tomados para que seu carro não fique limpo apenas superficialmente. 

A maresia, por exemplo, pode transformar seu carro em pó, devido à corrosão.
 
Veja como cuidar corretamente do seu carro: 
• A lavagem deve ser feita sempre sob a sombra, para evitar manchas na pintura. 
• Não misture querosene à água para lavar a carroceria. O produto danifica a pintura. 
• Lave o carro por partes, de cima para baixo. 
• Use só água e sabão neutro na lavagem. 
• Use sumo de limão para remover manchas de cimento da lataria.
 

Dicas de como dirigir na chuva

 

Um dos grande problema na hora de dirigir é a chuva. Todos os motoristas sentem muitas diferenças de dirigir em uma pista molhada e em uma seca. Enquanto está chovendo as ruas ficam mais escorregadias e isso causa perca de estabilidade do automóvel. A sua atenção deverá ser redobrada ao dirigir em pista molhada. Em dias assim sua visibilidade é bem menor e a probabiliade para que existam acidentes de trânsito são consideravélmente maiores.  Se possível, não saia para dirigir na hora que está chovendo. Abaixo algumas dicas para te ajudar em tempos assim.
 
Quando começar a chover é bom você desacelerar o carro. Ande mais devagar para que ele possa ter mais contato com o solo., se o carro não estiver estável pode acontecer a “aquaplanagem” que faz o pneu perder contato com o solo e você não conseguirá o conduzi-lo bem. A estabilidade cai muito nos dias de chuvas.
 
Sempre que estiver chovendo ligue os faróis, pois eles te ajudarão na visibilidade e também  ajudarão a guiar o carro que estiver atrás de você.
 
Nunca se esqueça de ligar o limpador de pára-brisa.
 
Quando a chuva estiver muito forte ou se você não estiver enxergando 30 metros a sua frente reduza a velocidade do seu carro para 15 km/h ou pare.
 
Não freie rapidamente, pois isso poderá fazer com o que o seu carro rode.
 
Verifique pelo retrovisor se o seu pneu está deixando algum rastro grosso no asfalto significará que ele está bom, mas se ele não estiver marcando significa que já está na hora de trocar.
 
Essas são algumas dicas que te auxliarão em quanto estiver dirigindo na chuva, e você nunca deve deixar de prestar muita atenção no trânsito, principalmente em dias de chuvas. Dirija sempre para você e para os “outros também”.
 
Fonte:
http://clikaki.com.br/dicas-de-como-dirigir-na-chuva/

Culinária

Ovo Branco Crocante

 

Em uma panela média, coloque o açúcar, a margarina e leve ao fogo, mexendo sempre até formar uma calda caramelada, retire do fogo, acrescente o amendoim ou a castanha de caju e misture bem. Espalhe a mistura sobre uma assadeira grande untada com margarina, depois de fria, leve-a para bater no processador de alimentos ou simplesmente quebre, usando para isso um martelinho de cozinha. Reserve. Derreta o chocolate branco conforme as instruções da embalagem.
 
Com uma colher, espalhe uma camada do chocolate derretido em uma forma para ovo de Páscoa de 500 g. Leve à geladeira para secar por apenas 2 minutos. Espalhe outra camada de chocolate e leve novamente à geladeira por mais 2 minutos, misture o crocante ao chocolate restante e espalhe a terceira e última camada. Volte à geladeira até secar completamente, o que levará aproximadamente 30 minutos, desenforme o ovo e embrulhe em papel-chumbo, próprio para chocolate.

Bombom de Morango

 

Lave bem os morangos, retire os talinhos e coloque-os sobre papel absorvente para escorrer o excesso de líquido. Numa tigela média, misture o leite condensado com o leite em pó e mexa até formar uma massa macia. Se necessário, acrescente mais leite em pó. Com essa massa, molde bolinhas e achate-as com a palma das mãos, envolva cada morango com a massa.
 
Coloque os morangos sobre papel-manteiga e deixe secar durante 15 minutos.Derreta o chocolate ao leite ou meio amargo de acordo com as instruções da embalagem. Com um garfo, banhe os bombons no chocolate, leve à geladeira até secar. Sirva em seguida.

Saúde

Postura e descanso são importantes para evitar lesões por repetição

O corpo humano não foi projetado para muitas das atividades que hoje pertencem à nossa rotina. Ficar sentado diante do computador durante horas, todos os dias, pode causar dores, dificuldades de movimentação e formigamento nos dedos. Esses e outros sintomas estão ligados à LER (lesão por esforço repetitivo), tema do Bem Estar.

A LER não é uma doença propriamente dita, mas engloba todos os problemas nos ossos e músculos que tenham origem em atividades repetitivas. Normalmente, o mal está ligado ao trabalho, mas isso não é regra. Para esclarecer o assunto, recebemos a terapeuta ocupacional Maria Cândida Luzo e o preparador físico José Rubens D’Elia, consultor do programa. Participou também a banda “Músicos do Futuro”, pois seus músicos exercem uma função que exige muita repetição e movimentos precisos. As lesões são mais recorrentes em pessoas que digitam muito ou apertam mouse, atendem e transferem telefonemas ou fazem fotocópias. Em casa, os serviços domésticos também desencadeiam problemas, por isso é preciso segurar corretamente panelas e vassouras. A lesão mais comum é a tendinite, uma inflamação nos tendões. Outras recorrentes são a síndrome do túnel do carpo, a tendinite de Quervain, o dedo em gatilho e o cotovelo de tenista. Os especialistas falaram, ainda, sobre os cuidados que se deve ter para evitar o surgimento de dores. Três aspectos são fundamentais para reduzir os riscos: é preciso fazer pausas durante qualquer atividade e saber respeitar os limites do corpo; a altura e a posição dos aparelhos precisa estar adaptada à pessoa; e é necessário ter atenção com a postura. Em qualquer atividade que se faça, é importante usar todo o corpo. Pense no movimento que você realiza, por exemplo, quando se abaixa para pegar um objeto pesado no chão – o ideal é dobrar os joelhos e usar as duas mãos. Esse tipo de raciocínio serve para todos os trabalhos braçais.

No caso do computador, em que a LER é comum, o que se deve observar é a posição dos objetos. A cadeira e a mesa devem ficar na altura que proporcione maior naturalidade e conforto a quem estiver sentado. A posição mais recomendada do monitor é à altura dos olhos, para evitar que a pessoa abaixe a cabeça e force o pescoço. Para usar o teclado e o mouse, o ideal é que o cotovelo forme um ângulo de 90 graus. Os dois pés devem ficar apoiados no chão e, se a máquina for compartilhada por indivíduos de alturas diferentes, o uso de almofadas pode resolver o problema.

Maria Cândida aproveitou para dar dicas sobre os laptops, computadores portáteis que muita gente usa em casa. Para utilizá-lo no colo, é preciso tomar alguns cuidados: recostar-se bem no assento, apoiar os pés no chão e colocar algum objeto para deixar o computador um pouco mais alto. Ainda assim, o ideal é colocá-lo sobre a mesa.

Quando o notebook ficar em cima da mesa, deve ser usado da mesma maneira que o desktop - computador convencional. Para isso, é recomendado colocar um suporte debaixo do computador, para que ele não fique muito baixo em relação aos olhos. Teclado e mouse também devem ficar na altura certa.

Fonte: Biolab

Link: http://biolablab.com.br/site/index.php/component/k2/item/100-postura-e-descanso-s%C3%A3o-importantes-para-evitar-les%C3%B5es-por-repeti%C3%A7%C3%A3o

Evite retenção de líquidos

Barriga estufada, pernas pesadas e a terrível sensação de ter engordado vários quilos em pouquíssimo tempo... Você pode estar sofrendo com a retenção de líquidos!
O problema se caracteriza pelo acúmulo excessivo de água entre as células do organismo, que não é eliminado através da urina. Dessa forma, ocorre o inchaço principalmente na barriga, pés, mãos, coxas, tornozelos e mamas. Com algumas mudanças nos seus hábitos, é possível reduzir essa desconfortável sensação, aliviar a retenção de líquidos e sentir-se mais leve e bem-disposto!
 
– “Consuma alimentos como melancia, melão, abacaxi, chuchu, pêssego, cenoura, por exemplo, que são ricos em água e potássio. Eles ajudam a regular o teor de sódio no organismo e diminuem o inchaço”, explica a nutricionista Paula Castilho.
 
– Beba no mínimo 3 litros de líquidos por dia. “Tome pelo menos 1 litro de água pura, para promover a desintoxicação corporal. O restante pode variar entre chás e sucos. O ideal é ingerir 200 ml de algum líquido quinze minutos antes da refeição ou uma hora após”, ensina a nutricionista.
 
– Pratique atividades físicas regularmente. Procure, ao menos, caminhar três vezes por semana, durante meia hora. O exercício aumenta o batimento cardíaco e acelera vários processos no corpo, como a queima de calorias e gorduras, além da eliminação das toxinas e dos líquidos acumulados.
 
– Se você trabalha sentado, procure se levantar a cada duas horas. Também é interessante realizar a ginástica laboral durante o expediente.
 
– Faça uma deliciosa massagem, por exemplo, a drenagem linfática. Essa técnica é realizada com óleos essenciais e consiste em compressão e descompressão dos gânglios, trabalhando a circulação linfática. Dessa forma, ela estimula a eliminação do líquido linfático, que fica localizado entre as células e é rico em gorduras – até os gânglios linfáticos. Quando ele fica retido no tecido subcutâneo, você se sente inchado e pesado.
 
– Aumente o consumo de legumes e verduras, principalmente crus.
 
– Coma mais frutas. “Quando possível, ingira também o bagaço ou a casca. E prefira as que possuem poder laxativo, como: laranja, mexerica, mamão, banana-nanica, ameixa-preta, abacaxi, abacate e acerola, pois elas promovem uma limpeza no organismo, eliminando as toxinas”, explica Paula.
 
– Coma sempre devagar e mastigue bem os alimentos.
 
– Sempre que possível, dê preferência aos produtos integrais.
 
– Acrescente ao leite itens como cereais integrais, farelo de aveia, farelo de trigo, gérmen de trigo e linhaça, que favorecem o funcionamento do intestino.
 
– Modere no consumo do sal. “Utilize alho, cebola e ervas naturais, como orégano, salsa, alecrim, manjericão e açafrão”, aconselha Paula.
 
– Evite o consumo exagerado do café. “Em excesso, a bebida age como vasoconstritor, ou seja, diminui o calibre das artérias, favorecendo a má circulação e contribuindo para o inchaço. Substitua-o por chás”, avisa a nutricionista.
 
– Polvilhe a comida ou a salada com farinha de linhaça, que tem ação anti-inflamatória e reduz a retenção hídrica no organismo.
 
Fonte:portal Vital
 
link: http://www.portalvital.com/saude/alimentacao/evite-a-retencao-de-liquidos

Como manter o peso

Para manter o peso foi desenvolvido um trinômio que traz resultados permanentes para você. O tratamento para a perda de peso e sua manutenção baseia-se em três pilares: reeducação alimentar, exercícios físicos e estabilidade emocional.

A reeducação alimentar é um processo de aprendizagem exercido através de orientações nutricionais específicas, onde o indivíduo conhece e aprende novos hábitos alimentares, proporcionando a escolha correta dos alimentos das suas refeições, tanto em nível qualitativo quanto quantitativo.
 
Reeducação alimentar não é regime, mas a forma de resgatar o verdadeiro sentido da alimentação: nutrir o corpo de maneira mais saudável possível. Pode ser aplicada em pessoas que possuem hábitos alimentares inadequados, com caráter preventivo e terapêutico.
 
A atividade física de qualidade deve ser devidamente monitorada. Não adianta nada tentar corre no parque um dia e nunca mais aparecer por lá. A orientação de um médico ou de um professor de educação física é essencial para que você perceba seus limites. Segundo alguns profissionais, 40 minutos diários de caminhada já são de grande auxílio.
 
Além da caminhada, os exercícios bons para perder peso são natação, corrida, bicicleta e ginástica aeróbica. Exercícios como musculação e ginástica localizada são ineficientes para ajudar na perda de peso. Servem para definir a musculatura e evitar a flacidez.
 
Os fatores psicológicos são importantes para perder peso e manter o peso perdido. A força de vontade de que tanto se fala, reside muito no fato de você procurar e assegurar uma estabilidade emocional que lhe permita “enfrentar” as mudanças de hábitos que se submeteu, e chegar ao fim a que se propôs.
 
Na verdade, a força de vontade não é uma questão de querer somente. Racionalmente a pessoa está com sobrepeso quer (e precisa) emagrecer, mas os seguidos fracassos que experimentou em tentativas de diferentes dietas diminuem sua força de vontade. Por isso, muito mais do que querer é preciso persistir.
 
Uma das formas de fazer essa força de vontade prevalecer é valorizar as menores conquistas. Isso reforça muito a auto-estima e se converte em uma ferramenta importante na luta contra o sobrepeso.
 
Com o trinômio (alimentação equilibrada, exercícios físicos e estabilidade emocional) pode-se, sim, manter um peso saudável.
 

Higiene para uma vida saudável

A higiene é muito importante para o nosso corpo. Andarmos limpos contribui para a nossa saúde e bem estar.
 
Higiene pessoal – cuidados que devemos ter:
 
- tomar banho diariamente, escovar os dentes pelo menos 3 vezes ao dia (depois das refeições), usar roupa limpa, cuidar dos cabelos e das unhas;
- lavar as mãos antes e depois de ir ao banheiro;
- lavar as mãos antes das refeições;
- evitar andar descalço, usar sandálias ou sapatos;
- ao lavar as toalhas e roupas íntimas, coloque-as para secar diretamente no sol, não às deixando dentro do banheiro ou na sombra;
- cada pessoa da família deve ter sua própria toalha e escova de dente, evitando compartilhá-las;
- evitar sentar em vasos sanitários de banheiros públicos ou em casas de pessoas desconhecidas;
- evitar ficar muito tempo com roupa molhada;
- não compartilhar roupa íntima, como calcinhas, cuecas, sutiãs, com outras pessoas.
 
Higiene dos alimentos:
 
- lavar bem frutas e verduras com água limpa e deixar de molho por alguns minutos em vinagre (1 colher para 1 litro de água) ou hipoclorito de sódio (03 gotas para 1 litro de água);
- cobrir os alimentos para evitar que moscas ou outros insetos pousem;
- evitar compartilhar copos, pratos, talheres ou qualquer objeto que seja levado a boca.
 
Higiene ambiental:
 
- manter o quintal sempre limpo, roçando a grama/capim e podando as árvores;
- não jogar lixo no quintal. Acondicione o lixo doméstico e coloque na frente de sua casa nos dias e horários de coleta pública, para evitar a presença de animais como ratos, cobras, escorpiões e baratas;
- não queime nenhum tipo de lixo, nem mesmo nos quintais;
- manter a casa limpa, higienizada, ventilada e com iluminação natural;
- não fumar dentro de casa;
- eliminar possíveis criadouros de vetores de doenças (dengue, malária, leishmaniose), como: caixa d’água sem tampa, tambores, baldes e outros utensílios que possam acumular água;
- se não houver rede de esgoto em sua região, os banheiros devem ser construídos longe dos poços d’água, de nascentes ou da beira do rio. 
 
 
Fonte: Ministério da saúde
Link: http://bvsms.saude.gov.br/bvs/dicas/240_higiene_vidasaudavel.html

Sua Casa

Cozinhas

A cozinha é um dos ambientes que mais refletem o estilo de vida de uma família. A importância que se dá na decoração de cozinha é proporcional à importância que este ambiente possui no contexto familiar.

Na hora de projetar a cozinha é importante prestar atenção ao quesito ventilação, circulação e iluminação. A cozinha não pode ser um corredor de passagem, e a iluminação natural é uma boa dica, além de ser agradável ela não distorce a cor dos alimentos.
Para cozinhas pequenas opte por cores claras para que o ambiente pareça mais amplo, a iluminação abundante ajuda a aumentar a sensação de espaço.
 
Uma das transformações mais visíveis da última década no mundo da decoração foi a incorporação da cozinha na sala tornando os dois espaços mais amplos e trazendo o espaço gastronômico para o centro das atenções: a cozinha americana.
 

Segredos para uma sala bonita e organizada

 

você consegue abrir e fechar com facilidade todas as portas dos armários que estão na sua sala? Se a resposta for negativa, alguma coisa está sobrando…
Colocar mais objetos do que um espaço pode receber é comum, mas pense bem: a sobrecarga de enfeites e móveis atravanca a passagem, impede a rapidez na limpeza e pode até estragar aparelhos eletrônicos, causando curtos-circuitos e reduzindo a vida útil deles.
 
Veja como deixar esse ambiente – que funciona como cartão de visitas da sua casa – impecável. E ganhe espaço trocando a bagunça pela ordem. Clique em “leia mais“!
 
 
8 segredos para uma sala bonita e organizada:
 
1. Antes de sair para trabalhar, abra as cortinas para a luz do sol entrar em sua sala.
 
2. Invista em cortinas leves e claras, de renda ou voil, e, por baixo, aposte num tecido escuro e opaco, de sarja ou tergal. O forro grosso bloqueia os reflexos de luz sobre a TV.
 
3. Escolha um rack liso, revestido de fórmica e com portas de vidro. Esse modelo junta menos pó.
 
4. Fuja das mesas ovais ou redondas, que ocupam muito espaço e dificultam a passagem. Aposte em um móvel retangular ou quadrado. Se precisar ganhar espaço na sala, encoste uma das laterais da mesa na parede e use as que ficarem livres.
 
5. Dispense o tapete sob a mesa de jantar. Inevitavelmente, restos de comida e bebida vão parar nele, deixando manchas e atraindo ácaros e bactérias.
 
6. Deixe a estante em ordem! Equipamentos eletrônicos como TV, DVD e som não são estantes. Então, nada de colocar toalhas e vasinhos em cima deles – isso diminui sua vida útil.
 
7. Descarte alguns enfeites. Você não precisa expor todos os enfeites que ganha, selecione só aqueles de que mais gosta. O excesso de miudezas acumula pó e dificulta a limpeza.
 
8. Encaixote a bagunça: coloque os objetos de menos uso em caixas de madeira ou papelão. Nas lojas de artesanato há modelos baratos, de MDF ou compensado, que podem ser pintados a seu gosto. Outro jeito de deixar as caixas bonitas é encapá-las com papel de presente ou um retalho de tecido.

 

Quartos

A maior privacidade de uma pessoa é em seu quarto. É o lugar onde se pode descansar, ficar a vontade, fazer o que quiser, a final, se está entre “quatro paredes”.
Para ficar melhor, porque não fazer um quarto moderno ou temático, quem sabe um quarto bem colorido ou rústico, faça dele o local mais agradável e aconchegante que puder, pois como todos dizem, “é o nosso cantinho”.
 
Dicas de decoração
 
1- Para começar, observe bem a iluminação, pois, é um fator essencial. As lâmpadas amarelas são indicadas por proporcionar uma sensação de relaxamento, além de ser mais confortável à vista. Mas, antes de planejar o local da iluminação, defina antes, o posicionamento dos móveis.
 
2-Os móveis não têm muito segredo; o essencial é cama, guarda-roupas e cômoda. Suas disposições dependem do formato e tamanho do quarto. O segredo é sempre deixar passagens livres para não aparentar que seu quarto seja menor do que é.
 
3-Use cores vivas na parede que ficará atrás da cama e nas demais use tons mais claros e suaves. Cores escuras podem dar aparência de que o ambiente é pequeno.
 
4-A escolha do piso certo também influencia na decoração, ele deve ficar em harmonia com a cama, e móveis (escrivaninha e armário, por exemplo), já que na maioria das vezes são os objetos que ocupam mais espaço no quarto, e serão eles que caracterizarão o ambiente.
 
5-Para um quarto jovem, o ideal é se usar cores vibrantes, e cheia de vida com a moderação de outros tons pasteis, contrastes e simplicidade. A TV e o PC devem estar presentes nesse ambiente. A iluminação é muito importante, além da luz geral do quarto, deve-se ter uma para ler durante a noite, outra para ouvir musica, entre outros. A mobília de preferência será metálica ou de madeira simples sem grandes trabalhados, é de extrema importância haver prateleiras, pois nesta fase da vida o jovem tem muitas coisas, material de estudo, livros, CD’s, e muito mais.
 
6-Espelhos não servem apenas para conferir a aparência, na decoração eles servem para deixar um aspecto maior ao ambiente
 
7-A cama é item de maior importância, por isso escolha um modelo que combine com o restante, a cabeceira é o principal item de decoração, deve harmonizar com o estilo do quarto.
 
8-Antes de colocar a TV, pense no que vai ser ligado a ela (DVD, videogame, TV a cabo) assim você saberá como fazer a decoração, pode-se colocar a TV na parede, junto de um aparador, embutido no roupeiro ou em um painel.
 
9-Não exagere na quantidade de móveis, facilite a circulação, em quartos de solteiro encoste a cama na parede deixando o espaço maior, já no quarto de casal isso não fica bom, deixe um espaço de pelo menos 60 cm nas laterais.
 
10-Cortinas podem criar certos climas para o ambiente, por isso escolha bem que modelo usar. Panos grossos preservam a privacidade, se o seu quarto for claro, com paredes claras, você pode usar uma cortina com cor mais forte para contrastar com o resto. Mas se você quiser deixar o seu quarto com um ar leve e mais sofisticado, compre cortinas de cor clara. Persianas são muito úteis, pois podem ser abertas e fechadas sem que você tenha que puxá-las, pois isso é feito através de um sistema com corda. A de pano é muito mais bonita esteticamente falando, é mais clássica e ao prender, você pode escolher fitas para combinar, para que continue bem bonita de manhã.
 
Não tem mistério, estude o tamanho do quarto antes de escolher os móveis, uma cor legal para as paredes, uma iluminação agradável para o ambiente e decorações sem muito exagero.
 
Voltar ao Topo